Página inicial português Inscreve-te ou regista-te na HDYO Crianças Adolescentes Jovens Adultos Pais DHJ Amigos Profissionais Notícias Sobre Nós Vídeos Livros Investigação na DH Eventos Angariação de Fundos Faz uma Pergunta Expressão Criativa Apoio Local Serviço de Juventude da HDYO Ligações Contact Us Termos Privacidade Idioma Mapa do Site Donativos Loja

Erika destaca o estudo Enroll-HD: Estudo investigação mundial em que todos podemos participar

October 4, 2015

Huntington's Disease Youth Organization

A HDYO tem mais informação sobre DH disponível para jovens, pais e profissionais no nosso site:

www.hdyo.org

Erika destaca o estudo Enroll-HD: Estudo investigação mundial em que todos podemos participar

16 Abril 2013

Olá amigos, Muitos de vós devem conhecer o ensaio observacional chamado ENROLL-HD - para aqueles que não conhecem, é um enorme estudo realizado em 19 países (14 línguas diferentes), em 240 centros médicos. O mais interessante sobre o estudo é que todas as pessoas que tenham pelo menos 18 anos podem participar!

Qualquer pessoa com ligação à DH tem um lugar neste estudo. Não há necessidade de fazer teste se ainda está indeciso ou prefere não saber; o teu estado genético não vai ser revelado. As consultas são feitas anualmente e irás fornecer informação útil aos investigadores, para que seja possível obter melhores tratamentos e cuidados para as pessoas com a doença de Huntington.

Erika Bjorklund

Muitas das nossas histórias são semelhantes, mas todas parecem ter um retoque único. O meu pai, que era sintomático, suicidou-se quando eu tinha 11 anos. Percebendo como a família é um bem precioso, eu e a minha irmã torna-mo-nos muito chegadas. Oito anos mais tarde descobrimos que ela tinha o gene expandido e eu não. Nunca me senti realmente culpada (como sei que muitas pessoas se sentem); sabia que não havia nada que pudesse ter feito sobre o nosso estado genético. Quando ela começou a mostrar sintomas, apenas poucos anos depois - 10 anos mais cedo do que o esperado - eu sabia que teria de haver algo que pudesse ser feito em relação a esta situação, aparentemente impotente, para a tornar menos assustadora e devastadora. Agir e aprender o máximo que consigo, é a forma que eu tenho de lidar com o facto de saber que a minha irmã e tantos maravilhosos amigos que conheci, serão afectados por esta doença.

Aderi a um estudo observacional como o ENROLL-HD, envolvi-me com a associação local e procurei informação sobre a DH. Apenas cerca de 9 anos depois de sabermos o resultado do nosso estado genético, estou no primeiro ano de medicina e sou estudante/aspirante a neurologista, sou membro da Directoria do Noroeste da Associação Americana da Doença de Huntington, um grupo de apoio líder em Washington Central, e agora a trabalhar na comissão de cuidados do ENROLL-HD. A minha irmã está a participar num ensaio clínico e os seus sintomas parecem estar a melhorar. O conhecimento que adquiri e as pessoas que conheci, e que estão a trabalhar de forma incansável para descobrir tratamentos mais efectivos, deram-me esperança. Não há nada que queira mais do que qualidade de vida, para a minha irmão e outras pessoas que estão a lidar com esta doença.

Se tu ou um familiar estão a lutar contra a DH, por favor sabe que não estás sozinho. Apesar de te sentires impotente, há sempre algo que pode ser feito. Envolve-te e descobre como o teu talento pode contribuir para a comunidade DH.

Erika Bjorklund
Voluntária HDYO